Copyright © 2011 by Diadochus T. Speculativus.
Desde a sua fundação, em 2001, por ocasião do "Colóquio Hegel", realizado no Goethe-Institut de Porto Alegre, a Sociedade Hegel Brasileira (SHB) tem realizado periodicamente uma série de Congressos Internacionais. Em abril de 2002, a maior parte dos membros da SHB reuniram-se novamente em Porto alegre no evento “Clássicos da Filosofia”, que contou com a presença de especialistas em Hegel de várias cidades do Brasil e do mundo, como o Prof. Dr. Walter Jaeschke, presidente do Hegel-Archiv de Bochum e o Prof. Dr. Vieillard-Baron, da Universidade de Poitiers. Em agosto de 2002 realizou-se o I Congresso Internacional da SHB, na Universidade Católica de Pernambuco, contando também com a presença de outros especialistas, como Prof. Dr. Bernard Bourgeois, da Sorbone.

O II Congresso Internacional da SHB realizou-se na PUC do Rio Grande de Sul, em 2003 e novamente reuniu pesquisadores internacionais como Walter Jaeschke, Andreas Arndt (Berlim) e Klaus Vieweg (Jena). A partir de então, os Congressos Internacionais da SHB tornaram-se bianuais, realizando-se na Universidade Federal de Pernambuco em 2005 (III Congresso Internacional da SHB) e na PUC de Porto Alegre, em 2007 (IV Congresso Internacional da SHB). O V Congresso Internacional da SHB, cujo tema foi a Filosofia da Natureza de Hegel, aconteceu em 2009 em Fortaleza e contou mais uma vez com a presença de especialistas internacionais, como Anton Koch (Heidelberg) Gilles Marmasse (Sorbonne, Paris), Sebastian Rand (Atlanta) e Diogo Ferrer (Coimbra), entre outros. Nesta ocasião, a Assembleia Geral da Sociedade Hegel Brasileira deliberou que o VI Congresso Internacional da SHB, a ser realizado em outubro de 2011.
Após nove anos realizando Congressos entre cidades do nordeste e do sul do Brasil, esta é a primeira vez que o Congresso Internacional da SHB se realizará na região sudeste. A visibilidade crescente do Rio de Janeiro em função de eventos esportivos importantes nos próximos anos desperta, também, o interesse em participantes de outros estados e países com formação filosófica especializada

A realização do VI Congresso Internacional da SHB na cidade do Rio de Janeiro certamente atrairá e ampliará a participação de ouvinte e Palestrantes. Nossa estimativa é da participação de cerca de 150 pessoas. Um dos maiores centros culturais do país, a cidade possui quatro Universidades Federais, além da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), onde atua a atual presidente da SHB. Nestas Universidades, existem quatro reconhecidos Programas de Pós-Graduação em Filosofia stricto sensu. O Programa de Pós-Graduação em Filosofia da UERJ possui nota 5 (cinco) na avaliação da CAPES e conta com um corpo docente permanente com 14 (quatorze) professores, sendo 10 bolsistas de produtividade científica do CNPq, 11 (onze) pesquisadores do PROCIÊNCIA (Programa de Incentivo à Produção Científica) da UERJ, 7 (sete) integrantes de Grupos de Pesquisa cadastrados no CNPq e 10 (dez) integrantes de Grupos de Trabalho da ANPOF (Associação Nacional de Programas de Pós-Graduação em Filosofia).

Outro interessante fator a ser observado é a centralidade da cidade do Rio de Janeiro, que possibilita deslocamento tanto dos membros da SHB provenientes de Universidades de todas as regiões do Brasil, quanto de outros pesquisadores brasileiros e estrangeiros da filosofia de Hegel. Os congressistas poderão apresentar seus trabalhos em português, inglês, francês e alemão. As palestras principais em línguas estrangeiras serão traduzidas previamente para o português e apresentadas aos ouvintes.
Kathrin Rosenfield, Márcia Gonçalves (atual presidente da SHB) e Ângela Baía no III Congresso
Os congressos da SHB,
Sociedade Hegel Brasileira
Cartaz referente ao V Concgresso Internacional da SHB, do qual resultaram anais específicos e números especiais da Revista Eletrônica Estudos Hegelianos